Release do CD “Mais Que O Sol” de Val Martins

Selecione o álbum para tocar

previous next
 

Mais Que O Sol é o oitavo álbum do cantor, músico, compositor e produtor Val Martins, que traz 10 canções no estilo pop, rock e música cristã contemporânea, com sonoridade muito agradável e arranjos modernos onde a pressão sonora pode ser sentida do inicio ao fim.

Canções temáticas de cunho estritamente teológico, um estilo inconfundível e moderno.

O público vai poder ouvir novamente um trabalho solo e gravado em stúdio, com grandes músicos como o baterista Sergio Melo (The Voices e Lulu Santos), os guitarristas Adson Sodré e William Coutt, o baixista Michel Maia e os teclados de Val Martins.

O CD traz um repertório autoral com antigos e novos parceiros como: Edson Feitosa, Lenilton, Paulo Leonel, Gilson Parreira e Moana.

A primeira faixa “Com Você Ao Meu Lado”, traz uma pegada mais rock, sonoridade super atual, para aqueles que gostam de solos de guitarra com o guitarrista Adson Sodré, na faixa 2, “Mais Que O Sol”, a sonoridade rock permanece com uma pegada mais Folk, muitos violões e guitarras de Adson Sodré. A faixa 3, “O Poder Do Amor De Deus”, a voz suave junto com a linda melodia, solo de guitarra primoroso de William Coutt, nos fala do Poder do Amor de Deus, capaz de transformar vidas e torná-las verdadeiramente livres. “Chamo Por Teu Nome” é a faixa 4, swingada com uma pegada mais jazzística e solos de piano com muito conteúdo teológico. A faixa 5, “Firme Está Meu Coração”, é uma música sem bateria acústica, e com muitos violões no estilo Folk por Adson Sodré. A faixa 6, “Ele É Jesus”, talvez seja a música mais pesada do disco, com grooves de guitarra e contra baixo de Adson e Michel Maia. “A Fé Vai Me Guiar” é a faixa 7, outra música com grooves de guitarra e baixo e muita pressão sonora. A faixa 8 “Nas Mãos do Pai”, você vai se emocionar com o convite à adoração cristocêntrica. “Infinitamente Deus” é a faixa 9, que traz uma bela mensagem com um esplendoroso rigor teológico. Por fim, a faixa 10, “Mundo Feroz”, que encerra o álbum com muitas guitarras por William Coutt.

Este disco é fruto de muito trabalho, muita intimidade com Deus e é claro, conteúdo bíblico e teológico. Divirta-se e louve a Deus com mais esse belo trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

 
 
previous next
X